Friday, August 11, 2006

Do casamento



..."Se eu tivesse casado na igreja seria a mais convencional das noivas. Só uma coisa tentaria mudar, ainda que recebesse um sonoro não: o sermão do padre. 'Promete ser fiel na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, amando-lhe e respeitando-lhe até que a morte os separe?' Bonito, mas dramático demais. Os noivos saem da igreja com uma argola de ouro no dedo e uma bola de chumbo nos pés. Seria mais alegre e romântico um discurso assim:

ELA: 'Prometo nunca sair da cama sem antes dar bom-dia, deixar você ver seu futebol na tevê sem reclamar, ter paciência para ouvir você falar dos problemas do escritório, ter arroz e feijão todo dia no cardápio, acompanhar você nas caminhadas matinais de sábado, deixá-lo em silêncio quando estiver de mau humor, dançar só para você, fazer massagens quando você estiver cansado, rir das suas piadas, apoiá-lo nas suas decisões e tirar o batom antes de ser beijada'

ELE: 'Prometo deixar você sentar na janelinha do avião, emprestar aquele blusão que você adora, não reclamar quando você ficar 40 minutos no telefone com uma amiga, provar suas receitas tailandesas, abrir um champagne todo final de tarde de domingo, assistir junto ao capítulo final da novela, ouvir seus argumentos, respeitar sua sensibilidade, não ter vergonha de chorar na sua frente, dividir vitórias e derrtoas e passar todos os natais ao seu lado'

Sim, sim, sim!!!" Eu aceito!!!!
Martha Medeiros em Trem Bala

7 comments:

Kati said...

que perfeito!!!!!
eu nem quero casar na igreja, mas quero muitoooooooooo fazer esse discurso com João =) lindo, lindo!!
amei!

=)
e tu ainda tas de dona de casa?
beijãooooooooo e saudades!

PaTi said...

Num é????? Eu tb disse a mesma coisa! Casando na igreja ou não, vou fazer esse discurso :)
Ainda tô de dona-de-casa sim! Neurótica, aliás! Num posso ver uma sujeirinha e fico o tempo todo: "Igor, lava seu prato! Igor, abaixa a tampa do vaso! Igor, pega um prato pra não cair farelo no chão"! Hihi... Qdo a gente limpa é que a gte sabe como é foda.... Vc não tem noção do mega faxinão que fiz com as outras 2 meninas que moram na casa tb. Pra contar toda sujeira que tirei, preciso te mandar um e-mail gigantesco...
Beijaaaaaaaaaaaaao

Tati said...

Poiaaa! Que bom que cê gostou do livroooooo! Vc levou a sério mesmo o título do livro e leu como um "trem-bala", kkkkkkkkkkkkkkkk!
Final do mês tem mais! Top Less! Vc tb vai amarrrrrrrrrr! E eu já acabei os dois, tá :P

Beijocas faxineiraaaa, piniqueira!!!!

izabel said...

kkkkkkkkkkkkkkkkk!!
bunda, não consigo te imaginar organizada e faxineira!!!!
quando lembro de vc lá em casa... kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!
gracinha, gente!
saudadona dela...

tatá said...

Foda demais, po!
Martha existe não. Queria ser amiga dela.

tatá said...

Eu acho que não quero casar. E agora? Será que eu posso usar isso sem casar, posso?

PaTi said...

Pois é, Coc's! Acredite. E tb aprendi a fazer as minhas próprias unhas. Só que hoje comecei a fazer às 14h e terminei às 18h. E tirei mil bifes, num pode cair uma gota de água na minha mão que eu choro. Pula, né? Todo começo é difícil :P
E Tatá. Acho que dá pra usar sim. Pergunta pra Martha. Ela responde os emails da gente sabia? Tb quero ser amiga dela... ainda mais agora que moramos no mesmo estado :)

There was an error in this gadget