Sunday, August 29, 2010

Do Luto (repostagem)

Como alguém pode deixar a gente tão destroçado? Que poder é esse que as pessoas têm sobre nós? Quando um relacionamento termina contra a nossa vontade, perdemos o chão e o teto desaba. A vontade nossa, é de nada. Lutamos contra o querer, executando alguém que se fez parte de nós. E o outro vai morrendo dentro da gente por escolha dele. As emoções viram ao avesso quando a ordem racional é desamar, amando. Culpa da perda compulsória. Da saudade insuportável e involuntária de não poder saber de quem se gosta, saudade que dói mais.

A legislação trabalhista devia levar isso em conta. Além das licenças a que se tem direito, deveria existir a do período de reestabelecimento sentimental. Seria, por lei, o luto de amor. Uma licença para sofrer um pouco em paz...

Quero andar por outra rua.

15 comments:

J. Valentin said...

Talvez a pior morte seja a daquela pessoa que ainda vive. E por motivos dela, ela resolveu se suicidar de você, do seu mundo e seus sonhos. A pessoa agora vive, de outras formas, desbravando novos mundos. É triste saber que alguém que está morrendo pra você, está começando a viver para outra pessoa. Mas é assim, é o ciclo... Logo começa tudo novamente.

Adorei o texto, parabéns pelo blog!
Se puder, dá uma passadinha no meu.
www.meuceuparticular.blogspot.com

J. Valentin said...

Talvez a pior morte seja a daquela pessoa que ainda vive. E por motivos dela, ela resolveu se suicidar de você, do seu mundo e seus sonhos. A pessoa agora vive, de outras formas, desbravando novos mundos. É triste saber que alguém que está morrendo pra você, está começando a viver para outra pessoa. Mas é assim, é o ciclo... Logo começa tudo novamente.

Adorei o texto, parabéns pelo blog!
Se puder, dá uma passadinha no meu.
www.meuceuparticular.blogspot.com

Kell Alves said...

À favor do luto do amor, que às vezes vem a ser muito mais doloroso que o luto de morte.
Texto muitíssimo bem escrito!
Veleu a pena repostar.

ibere said...

PARABENS PELO BLOG

descobri teu blog por um comentario e resolvi dar uma olhada, gostei do texto, e dos anteriores tambem e resolvi comentar.

bem, a dor da perda é grande, as vezes como se algo fosse arrancado de nós, algo que parecia fazer parte de nós mesmos, principalmente se a pessoa convivia conosco há tempos e houve tempo pra construir uma relação forte.
não sei exatamente o que nos leva a ficar tao presos a alguem, será qeu começamos a construir expectaivas sobre a pessoa e esquecemos de como podemos fazer tudo o que sonhamos conosco mesmos ou com outras pessoas?

enfim, a vida tem que ser levada em frente, há amigos que podem nos ajudar muito nessa hora, e aos poucos vamos reaprendendo a viver e descobrir como se pode encontrar novos caminhos,

parabens
ibere
http://ibererestivo.blogspot.com

Os Literatos said...

Oi. Boa noite. No seu texto, você fala muito a palavra saudade. Dizem que saudade é um jeito bonito de se ficar triste. Conheço um texto que talvez possa resumir toda essa sua saudade. É esse:

"Minha alma está imersa em saudades de você. As lembranças de você debatem-se, esperneiam e gritam na minha memória; produzindo um eco perturbador a ecoar e mergulhar nas profundezas da minha mente. No entanto, não cederei aos apelos das minhas lembranças. Deixarei que elas me torturem. Não o procurarei, para saber se as lembranças que tanto perturbam e desestabilizam a minha alma, são capazes de também perturbar-lhe o espírito, para que você me procure. Só assim, saberei se as minhas saudades de você não são em vão".
Autor do texto: Fabíola Oliveira

Sabina Insustentável said...
This comment has been removed by the author.
Sabina Insustentável said...

poxa, galera.. adorei os comments..
mas depois dessa REPOSTAGEM, acho que felizes sao os solteiros bem resolvidos.. hehe até pq tudo termina naquela música do chico "casamento dos pequenos burgueses".O encantamento bom e todas as nossas projecoes acabam, no maximo, em uns 18 meses, segundo os especialistas hehe E aquela pessoa (vale pra coisas tb) que a gente achava que seria responsável, dessa vez, por nossa felicidade, jah se tornou uma acomodação somada a mil problemas que desembocam na inevitável pergunta: "será que eu amo essa pessoa"? Desacreditada? Nada.. realidade mesmo. E em busca da felicidade plena na paz da minha própria companhia hehe

beijos, voltem sempre!

Sabina Insustentável said...

Ou então achar o ponto ótimo vislumbrado por Mário Quintana: "tão bom morrer de amor e continuar vivendo..."

DUDA said...

A sua poesia, mesmo sendo sobre o luto (porque não tê-lo), é luz sobre os nossos dias. Ah os casais... Drummond, aí pertinho de você, de todos nós,lá no Hubble deve de "tá pensano" no que a moça que escreve tão suave e tão doce consegue ser tão contundente. Em tanta beleza e juventude te vi nascer, crescer na adolescência e depois com a distância, perco essa mulher extraordinária. Imagino que teríamos as possibilidades de belas conversas. Como eu puder ter com Letícia. Mas é a vida minha querida. Agora é que são elas como nos lega Leminski. Toca a poesia prá riba menina, que tua música é uma sinfonia mui hermosa. Beijos do teu tio gagá, coruja, zé roela e quando em vez ao chegar por aqui se encanta e sai um ser melhor. Que bom. Beijão.

Duda Brama

Sabina Insustentável said...

tioooo! que comentário lindo! emocionei.. obrigada, viu? e se é que tenho algum talento na escrita, com certeza puxei a vcs, tao inteligentes, sensiveis e escritores, musicos que sao! Estarei em recife este mes.. vamos fazer do nosso encontro poesia rs
beijos com saudade e orgulho de ser sua sobrinha

Marcus said...

Haha, sou a favor do luto do amor, a próxima discussão seria o tempo dessa licença.

Mas temos que parender a gostar de nós mesmos. Outros amores virão e ainda passaremos muitas vezes por situações como está.

Beijo,
@MarcusDuarte

Nina said...

Que lindo, até peguei um trecho e postei no twitter.
Saudade de vocÊ !!

anjana negi said...

I recently came across your blog and have been reading along. I thought I would leave my first comment. I don't know what to say except that I have enjoyed reading. Nice blog. I will keep visiting this blog very often. Very informative content and I enjoyed reading your blog keep it up.

Cheap Flights Christchurch flights
Flights Christchurch flights
Christchurch flights

Veer said...

Thanks, seriously, I am very happy for you to select photos & use, along with words; I don't really think I can write word for you. I hope this is OK, like your blog.Cheap Flights to Accra
< Flights to Accra
< Accra Flight

roye said...

I liked it so much and very interesting, too! Thanks for sharing the experience.
Wonderful post, really great tips and advice. I was interested by your comment,
Flights to Koh Samui
Flights to Penang
Flights to Nanjing

There was an error in this gadget