Thursday, May 28, 2009

Do felizes para sempre



"- Sempre! Que palavra horrível! Estremeço só de ouvi-la. As mulheres gostam muito de empregá-la. Estragam todo e qualquer romance, tentando fazer com que dure para sempre. É também uma palavra sem sentido. A única diferença entre um capricho e um casamento é que o capricho dura um pouco mais" (Lord Henry, personagem do Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wilde - séc XIX)

Resposta da Mulher (séc XXI):

-  Já aprendemos que o "Felizes para Sempre até que a morte nos separe" é conversa de padre. Acreditamos mais em Chico Buarque que fala sobre o casamento dos pequenos burgueses: "vão viver sob o mesmo teto até que a morte os una! Até que a morte os una!"

Não que estejamos desacreditadas. Tem jeito de ser feliz a dois sim. Mas isso já é assunto para outro post...

23 comments:

Luísa N. said...

É isso mesmo: "Felizes para sempre" "até que a morte os una"!

É a vida, amiga! - paradoxo?

Enquanto isso, vamos vivendo entre o verde. É o melhor!

Luísa

Tchezar said...

A felicidade é um estado de espírito que é quase impossível de mantê-la para sempre. Chico Buarque foi muito sábio nessa frase, principalmente porque em se tratando de burgueses, muitos dos casamentos são meras fachadas...
O amor é um sentimento raro que infelizmente está em extinção.

TAIS MOREIRA said...

Nossa, adorei seu texto!! Eu tb não acredito no "Felizes Para Sempre", como a Sabine fala, é uma coisa fantasiosa...XD
Beijos

Guttwein said...

Não sou muito fã do C. Buarque, mas ei de concordar com ele nesse caso...
Também é fato dizer que a felicidade eterna, é mais uma negação de algum complexo,uma capa para se proteger e repelir alguma debilidade, do que o sentimento verdadeiro...

Arthur Alves said...

Bom, muito bom!!!
Mas olha Sabina... Isso depende muito das pessoas, depende do seu conceito de sempre - pois se ele existe não há como nada provar.

O mais belo sempre, pode ser apenas um dia.

E eu posso viver um após o outro, vivendo cada momento da minha vida e os aproveitando ao máximo, seja conjugalmente ou não.

Eu posso criar um sempre quando for necessário, e o necessário pode ser sempre o agora.

"Nesse mundo não tenho nada, só uma certeza
Que te amarei eternamente
Sem poupar dos cabelos um fio
Sempre que existir um sempre
Pois se não existir, eu crio."
(Parte de um dos meus poemas...)

Abraços,
Arthur Alves

Fionna said...

Eeu concordo. Sempre é monótono demais. Nunca é arriscado a se contradizer. Essas coisas..

Bjs

mano maya kosha said...

ainda não tinha encarado este fragmento do buarque, e pensando na morte como costumo pensar, achei tal expressão praticamente uma verdade inexorável

Danilo said...

pode ter sacada mais verdadeira que essa? o amor romântico, algo que as mulheres ainda insistem em crer, é o maior responsável pelo fim dos relacionamentos. mesmo aqueles que ainda não acabaram

Nina said...

Hmmmmm... Mto bom!

"Se lembra quando a gente
chegou um dia a acreditar
Que tudo era pra sempre
sem saber
que o pra sempre
sempre acaba"

Isso é fato!! Mas eu gostaria de saber oq a senhorita pensa sobre o SEMPRE relacionado a polêmica e questionada FIDELIDADE.

Guiovan Coimbra de Oliveira said...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
muito boa a sua comparação!!!!
o casamento do pequeno burguês é uma peça maravilhosa de bertolt brecht
engraçaderrima. onde após o casamento os noivos durante a fetsa começam a conhecer o verdadeiro eu deles mesmo!!!!

muito bom seu post parabens!!!
se vc quiser dar uma conferida na peça o texto dela estar aqui nesse linck abraços!!!

http://www.scribd.com/doc/6927454/Bertold-Brecht-O-Casamento-do-Pequeno-Burgues-teatro

Mauro said...

o que tem de bela tem de revoltada...
relaxe, minha querida... senso de humor...

Roberta said...

Esse Chico essencial, insuperável e incomparável!

Como vi no filme regras do Amor, abandonar esse conceito de felicidade pra sempre pra ser feliz agora é a melhor resposta!

beijo grande!

RAFAEL DIAS FERNANDES said...

fico muito bom parabens

BIANE LIMA said...

Ei!
ganhei o selo "blog de ouro" e indiquei o seu para receber também!
Depois passa lá pra pegar no meu blog!
bjO!

www.naddademais.blogspot.com

Blog do Óbvio said...

Muito bom o seu blog. Nem vou seguí-lo. Vou perseguí-lo.
* Felizes para sempre... A gente corre atrás de tudo que é material, "dinheiral" e outros ...als, para perceber que nas coisas mais simples é que está a felicidade.
Sentí isso quando estive bem doente. A gente começa a ter a grande necessidade de sair e se encantar com os pássaros que nem percebíamos. E por aí vai. Graças a Deus sarei, mas aprendi muito com a clausura a que fui submetido. Vivendo e aprendendo, né Sabina?
Beijocas. Manoel.

Henrique Mota said...

ótimo blog!
Muito criativo!

Herbert said...

putz..falou pouco mas falou bonito "Estragam todo e qualquer romance, tentando fazer com que dure para sempre."

é sempre assim essa mania de querer dar nome as coisas só atrapalha..a mulher não fica feliz em estar com o cara..ela tem a necessidade de enfiar uma aliança no dedo do cara e falar que ta namorando/noiva/casada! Sempre estraga tudo!

30 e poucos anos. said...

Felicidade é um sentimento, um estado, um desejo e para tante é necessário ter coragem para fazer e acontecer...estando junto com alguem ou não.

Cesar Cruz said...

Algum pensador afirmou que:
"a única coisa definitiva na vida é a mudança". Aí está um grande verdade, Sabina! O velho Lulu, um dos meus ídolos da década de 1980, corroborou o pensamento com a sensacional:
"... tudo muda o tempo todo, no mundo...".
É... nada é para sempre. Nem a própria vida.
Gostei de mais este curto e grande texto.

bj

Renato said...

Chico é o máximo, acho complicadíssimo entende-lo, pode te trazer várias interpretações, e pode ter certeza, vai depender de seu estado de espírito. Magnífico Chico!Bjus

Diário de Eva said...

claro q tem,vou aguardar o proximo post ,estou te seguindo ,gostei do blog
http://diariodeeva123.blogspot.com/

João Paulo said...

Bom tema!

O PARA SEMPRE é bem relativo, essa postagem pode até ser um pouco mais detalhada. Mas, a idéia já foi assimilada.

Ana ® said...

Pois é, mas vale viver uma verdade do que sonhar uma ilusão que nunca vai chegar.
=)

There was an error in this gadget