Wednesday, November 11, 2009




Recebi, neste fim de semana, a visita de Ana e Carol, duas amigas de Recife dos tempos de colégio. O presente se encheu de nostalgia. As lembranças da cidade onde eu nasci vieram boas, ganhando mais cor. ;)

Mal elas desceram no aeroporto de BH, já fomos direto para minha casa nos arrumar para a balada, pois o tempo de estada das meninas era curto. Depois de troca-trocas de brincos, roupas, sapatos, maquiagens e fofocas, chegamos no escolhido lugar. Meia hora foi suficiente para que eu comentasse tristemente:

- Minha gente, tô me sentindo um cocô nessa boate... O povo não olha pra gente! O nariz é tão em pé que o olho passa por cima da nossa cabeça. É bem diferente dos lugares mais "alterna" de BH...

Alguns minutos depois, vejo Ana conversando com um menino. Cheguei saltitante:

-Aê, Ana!!!! Um cara aqui falou contigo!!!! Tá com tudo héin?
- Não pow, é que ele derrubou minha bebida e tava pedindo desculpas...

Bom meninas, ao menos eles são educados. Da próxima, a gente dá uma passadinha antes no Alambique*. Depois de um sonoro "Ê lá em casa...", a gente vai se achando (mais!) para a dita boate onde todos são invisíveis até o álcool subir...


*Alambique: Boate de BH onde te chamam de musa do Brasileirão. Ideal para depois dum pé na bunda.

14 comments:

Roberta said...

Sabian há momentos que um Alambique cai bem.. seja a boate, seja a bebedeira...como diz Rita Cadilac ' é bom para o moral' rs...

Sabina Insustentável said...

kkkkkkkkkkkkkk! Disse tudo, roberta!!! ;)

Denize said...

Boa, Pati!
bjs!

Graziela Motta said...

hahahaha mas em que absinto de bh vcs foram? nunca ninguem me cantou no absinto... ¬¬
bom! as vezes a estima murcha mesmo e qualquer popozuda de qualquer desdentado ajuda... tá, nem tanto.
heheh
=*
saudade cocô

Sabina Insustentável said...

kkkkkkkkkkkkk

Grazi, é tipo isso: o absinto de BH... kkkkkkkkkk... tinha esquecido que fui nesse lugar aí... só que o pior do absinto são os pirras... lembra?

- vc faz o q?
- mestrado e vc?
-bah... acabei de passar no vestibular...

Ninga merece!

Eduarda Ramos said...

Também sou recifense! rs

É divertido sempre, rever velhas amigas.


Abraço.

Blog do Óbvio said...

Sabina, minha amiga insustentável. Decididamente você simplifica as coisas de uma forma que só pode dar certo. O Alambique é o canal. Ainda vou conhecer esse lugar. Adoro BH. Trabalhei um tempo por aí só que ficava mais em Juiz de Fora. Beijos de perseguidor saudoso. Manoel.

Leandro Cassis said...

Patty!!!

Saudade de vc sua enrolada!!! hahah


Aqui, to pasmo com esse post!
Que boae era essa, a Velvet? Sexta? Se for tá explicado hahah


Mas enfim, esquenta não, BH tá uma viadagem só, em especial a savassi.


Bjão, e vê se dá notícias, meu orkut eu apaguei, qualquer coisa trocamos msn depois =]

Sabina Insustentável said...

Que velvet, leandro! Velvet é alterna! kkkkkkkkkkkk É o PIC. Mas o mesmo vale pro chalezinho. Também fomos lá. Oxe, apagou orkut, foi? Te passo msn depois entao.

Manooooooooooel! BH é o que há. Volte aqui sim ;)

Eduarda, tu é minha conterrânea, é? (escrevendo-falando com sotaquezinho bem puxado) rsrsrs

Um beijo ;)

. max said...

Osso. Sei como é isso.
Aliás.... acontece comigo mais
do que eu acho que deveria.

Olha eu invadindo e dando palpite
sem ninguém me perguntar.
É que o conteúdo do texto me é
bastante familiar... já estou
me retirando........ bye !!!

Sabina Insustentável said...

ei, max! precisa sair não... volte sempre!!! Seja bem vindo...

. max said...

Ó.... eu é que não sou louco de não aceitar um convite desses ...rs
Já tô aqui de volta.

E espero que vc continue me visitando também.

Inclusive, como já estou meio que me sentindo mais à vontade....
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=12835654659686919601

Blog do Óbvio said...

Sabina, tem Martha Medeiros especialmente prá você lá no Óbvio.
Beijos de perseguição insustentável.
Manoel.

Nina said...

Uma vez fui encorajada a ir ao Alambique. Cheguei ao local,avistei a fila e sai correndo auauh.
Deus nos acuda!

There was an error in this gadget